Tuesday, September 23, 2014

Paris em blog

Tem o site iesarodrigues.com.br, tem o Facebook, tem a revista Almost Paper. Mas ainda há quem prefira saber das coisas em blog explícito. Assim, reativo este blog, só de texto, para dar vontade de ler nos outros canais. Só não tem Instagram por falta absoluta de paciência...
Um verão em branco e preto é anunciado pelos primeiros desfiles da semana de moda de Paris. Claro que sempre despontam algumas orquídeas vermelhas nas estampas ou alguns listrados conceituais. Mas a base deste primeiro dia é tudo preto ou tudo branco. Deve ser para compor os looks com os acessórios do genial Christian Louboutin.

Corrie Nielsen deu a partida na temporada, com bossa nova na trilha e muitas referências nos anos 1960. Paris tem isto de bom, admite gente muito nova, como esta inglesa que se formou na St  Martin e já entra na agenda oficial da moda parisiense. Seus modelos., têm em comum a interferência de rolotês grossos nas saias e contornando decotes nas costas. Comprimentos pouco acima dos joelhos e cabelos em coques-banana impecáveis indicam a inspiração nos anos 1960 ainda bem madame, antes das minissaias e cabelões lisos. No meio de silhuetas com volumes nas costas, mais para conceituais, destacam-se os paetês cristal nas costas da cintura para cima de vestidos ou nas vestes sobre saias de rolotês. Lembrei de Pierre Cardin no início da carreira, é uma referência importante para os novos. Mas também tem muito dos Jetsons, a família do Futuro que tinha Rose, a robô-doméstica.

E mais: lindos, os brincos de pedras e diamantes da Carat (caratlondon.com) / perfeitos, os coques, sem um fio fora do lugar. Quem quiser fazer igual deve ir ao Windle & Moodie, em Londres / simpático: deram garrafinhas de água de coco para os convidados e para os fotógrafos. generosidade rara! / em tempo: era água de coco..Das Filipinas! / triste: Corrie perdeu a mãe no mês passado, dia 02 de setembro


Christian Louboutin, misterioso...
Esta é para invejar mesmo. Porque vi a coleção, mas não posso mostrar! Assinei um documento me comprometendo a não divulgar nada  antes de um periodo. Mas posso pelo menos contar, sem imagens. A inspiração é o fundo do mar, de onde saiu uma maravilha de cartela de amarelos, verdes, corais, pinks e azuis-violetados. Os saltos finos chegam a 13cm, mas há saltos mais grossinhos (com 12 de altura, uf!), outros em curva, como as ondas do mar. O punk se mantém, os spikes contornam os solados dos modelos baixos. Para as estrelas dos tapetes vermelhos vão enlouquecer com a riqueza dos bordados de cristal das sandálias com tiras em T, os escarpins com camada cortada a laser. Continuam os padrões de onça e as pythons. Pronto, contei!

E mais: muito gentis as meninas do Louboutin, uma para atender em francês (não gravei o nome) e outra, a Laura, em inglês. Descobri que é muito mais orgânico falar de moda em francês do que em inglês. Por orgânico, entenda-se mais fácil / Louboutin é fiel às origens, tem loja e escritório na mesma galeria onde começou a ficar famoso, na rue Jean-Jacques Rousseau / rua em Paris tem sentido peculiar: começa em um ponto, é interrompida por uma transversal e continua muito lá na frente, depois de algumas esquinas e obras / raridade nos tempos atuais: Louboutin, além de super artesanal, faz tudo em COURO! Só um modelo, que lembra um tênis, tem PU na composição


Pascal Millet, muito Florida
Em branco ou em preto, camisas abertas sobre sutiãs-bustiês de couro com saias ou calças, com faixas na cintura. Vestidinhos de praia, longuinhos, de alças, em xadrezinho vichy vermelho, amarelo e azul. A estampa de orquideas tem fundo preto ou azul, Nos pés, sandálias de tiras em X, baixas ou de salto - melhores as baixas. No final, uma série de bustiês e bodies com saias de tule...preto!

E mais: certas locações de desfiles parisienses devem servir como substitutas das academias e treinos. Este lugar, no Palais de Tokyo, tem trocentos degraus, vi muitas louras bufando quando chegaram na sala. Ainda bem que tenho o Luis, o treinador paciente, lá no Rio. Com licença, que vou fazer umas flexões

Devastée, como sempre
Isto quer dizer estampas de tumbas sorridentes, fantasminhas, em preto e branco. Há anos vejo esta coleção aparentemente repetindo temas. Mas mesmo com esta coerência, existe evolução: a Devastée agora tem as tumbas em estampa corrida, e uma digital que, se não me engano era foto de cemitério em preto e branco! Isto demonstra que há uma produção em escala, deixa de ser uma curtição. Depois de muitos looks de vestidos cortados em barras franzidas, camisaria com costas pretas e frente - adivinhem - de tumbas e nuvens, vieram os looks de luto - epa, de preto, ternos pretos com vieses finos brancos e um belo casaco de linho 7/8...preto no final.

E mais: tive que escolher entre dois favoritos meus: Devastée ou Ground Zero. Como o ônibus do evento ia para o Devastée, ele escolheu por mim / o cabelo das tumbinhas era liso, liso, chapinhérrimo, com uma mecha fina e ondulada de lado. Gostei

Anthony Vaccarello, assimétrico
Este levou a onda das fendas ao extremo. As saias descobrem inteiramente uma das pernas. E são microssaias! Ele continua encantando pela camisaria, em preto ou branco, sem abotoar. Boa também a camisetona com um A gigante estampado, torto na frente. Muitos listrados estilo risca de giz em várias versões, em..preto e brancooo!

Jacquemus
Anotem este nome, é uma das sensações atuais de Paris. Cá pra nós, não entendi muito o frisson. Deve ser muito gracinha o Simon Jacquemus, que parece ter vendas online e em magazins. Porque pelo menos esta coleção de verão dava a impressão de ser feita assim: pega-se uma cadeirinha de praia daquelas antigas, listradas e enrola-se o pano no corpo das modelos.
Fora o estilo cadeira, reforçado pelo cenário de barracas de praia brancas, Jacquemus apostou em calças e camisas brancas, amplas, soltinhas, com tênis Adidas.
Bom, vou pensar mais e talvez descubra que adorei o Jacquemus. Sabem como é, povo da moda muda de ideia rapido.

E mais: mesmo que à primeira vista não pareçam o auge da novidade, há sempre boas ideias nas coleções parisienses. Verão não é a estação favorita como exercício de criatividade para eles, mas há apresentações do mesmo jeito / lembrei que há quem pense que o Rio não precisa mostrar coleções de inverno, porque não faz frio / para quem está vindo para Paris: tragam echarpe, casaco de couro ou algo leve e sapatos fechados. ainda não dá para lãs pesadas, mas já tem aquele ventinho gelado

Tuesday, September 09, 2014

Morar mais por menos, edição 2014


O bom programa desta semana é a abertura da 11ª edição do evento Morar Mais por Menos, que demonstra ser possível ter uma casa bonita por um custo razoável. Neste ano a edição carioca – o Morar Mais tem edições em várias cidades brasileiras e já esteve até em Milão! – acontece na Barra, bem no comecinho. Os ambientes montados por arquitetos, decoradores e paisagistas têm um jeito parecido com o dos moradores da cidade. Para começar, aproveitam muito bem a paisagem e se inspiram em atividades e esportes ao ar livre. Até os bebês ganharam um quarto temático! 

 O Morar Mais por Menos, realização do escritório de Ligia Schuback, pode ser visitado até o dia 19 de outubro na Rua Presciliano da Silva, 188 (Barra da Tijuca) / Rio de Janeiro

 See more at: http://iesarodrigues.com.br/blog5/?p=27948#sthash.F4PlYEwk.dpuf

Sunday, September 07, 2014

Sábado, dia 30 de agosto:

As consultoras da Clinique, no Barrashopping, prestam o serviço Sua Pele mais Jovem. Elas vão ensinar a usar o Repairwear Laser Focus, o anti- envelhecimento que promete amaciar, restaurar e corrigir sinais do tempo na pele. Compras acima de R$ 199 dão direito a um espelho de bolsa de presente. A partir do meio-dia na loja Clinique do BarraShopping. 

TERÇA-FEIRA, dia 02: 1. Claudia Simões abre a linha Casa, a partir das 16 horas
 Claudia Simões Casa: Rua Visconde de Pirajá, 476 (Ipanema) - Rio de Janeiro
 2. Carla Roberto e Lydia Duarte mostram até amanhã, quarta-feira, coleção de blusas - são 25 modelos bordados, aplicados, trabalhados. Marquem pelo tel 999 712 615

 QUARTA-FEIRA, dia 03 de setembro:
 1. lançamento da coleção de verão da Hackamore, em Ipanema, a partir das 14h Hackamore: Rua Visconde de Pirajá, 444 (Ipanema)/ Rio de Janeiro
 2. Como arrumar uma mala de viagem: este será o tema da conversa com Ana Cecilia de Magalhães Lins Lacerda, Bebel Niemeyer e Maria Pia Marcondes Ferraz, autoras do blog 40 Forever, onde dão dicas de moda, beleza, cultura, gastronomia, viagem e comportamento para as companheiras na década dos 40 anos. O evento Forever 40 indica será no shopping Leblon, a partir das 16 horas. Vagas limitadas Shopping Leblon – Av. Afrânio de Melo Franco, 290 – Leblon – Rio de Janeiro / (21) 2430-5122
 3. lançamento da coleção Memórias. da Lale, marca carioca da Luiza Botto e Maria Fernanda da Mata. A partir das 18h na Casa Ipanema, com participação de as Zucas, Bric-a-Brac Bijoux, Sucrolat e Do Bem. Casa Ipanema: Rua Garcia d'Ávila, 77 / Ipanema (Rio de Janeiro - RJ)
 Cores vivas e pedras na coleção Arriba Mexico da Anas 4. Anas lança coleção Arriba México! das 14 às 20h Anas: rua Rainha Guilhermina, 249 sala 202 / Leblon (Rio de Janeiro)
 5. A Lez a Lez inaugura franquia no shopping RioMar, em Aracaju (Sergipe) com a coleção primavera-verão 2015. Bom estilo BoHo. A partir das 18 horas
 6. Nova e bela loja nova da Carmen Steffens no shopping Rio Sul. Além dos sapatos e bolsas, a primeira CS Maison carioca traz linha completa de roupas. Com o DJ Pedro Lucena no comando da música da festa. A partir das 19 horas
 7. Começa a liquidação de inverno da Afghan. Peças por até R$ 99, enquanto durarem os estoques. www.afghan.com.br


 QUINTA-FEIRA, 04 de setembro:
Um convite fofo anuncia o trunk show da coleção outono-inverno 2014 de Carolina Herrera no Village Mall.
A partir das 19h Village Mall: Av. das Américas, 3900 / Barra - Rio de Janeiro
 2. Mori Ohta Sushi, um dos restaurantes de sucesso de SP abre primeira casa no Rio, no Barrashopping. O chef Daniel Hirata assina os cardápios dos almoços (R$ 82, durante a semana) e R$ 89, nos almoços aos sábados, domingos e feruados e jantares) - este é o preço do Festival. Fernando Ohta é o proprietário que faz a primeira incursão fora de São Paulo. Mori Sushi Ohta: Barrashopping expansão (Rio de Janeiro); tel 21 3387-0778

 SÁBADO, dia 06 de setembro
 1. Vicenzaoro, salão internacional de joalheria, em Vicenza (Itália), até dia 10, quarta-feira

 2. 10ª Beauty Fair - Feira Internacional de Beleza Profissional, até dia 09 de setembro, no Expocenter Norte (São Paulo). Uma das atrações é a exposição A História do Esmalte, patrocinada pela Impala. www.beautyfair.com.br
3. Babilônia Feira Hype, no Clube Monte Líbano

 2015
 2015 já está chegando! A primeira boa notícia é a realização da Fenin Fashion Rio no Riocentro, de 04 a 07 de agosto. No Rio, com a organização dirigida pelo Julio Viana, craque responsável pelas Fenins de Gramado, São Paulo, Fortaleza e Bento Gonçalves!

Friday, August 22, 2014

Cecconello chega arrasando

Quem não curte sapatos? Independe de idade, cor, tamanho, sapato sempre dá uma alegria na hora de escolher, experimentar e comprar. Vá lá, que idade impede ousadias e loucuras, como saltos absurdos e tiras muito fininhas. Mas que é bom curtir uma coleção, ninguém nega. Pois ganhamos mais um motivo para admirar os pés: a Cecconello decidiu investir em aparecer mais. A marca de Gramado já tem 30 anos de existência, desde que abriu uma produção de cinco pares / dia até agora, com 300 colaboradores e produção de dois mil pares / dia. Desta produção, de 30 a 40% são exportados para os cinco continentes e o resto fica nas multimarcas nacionais. Daí, que o nome é pouco conhecido nacionalmente. Ou era, porque agora há uma vontade de aparecer no cenário dos acessórios brasileiros. Com grande chance de se destacar, por muitos motivos. O principal, claro, é a beleza e variedade dos modelos - são 300 em cada estação, no mínmo. O segundo, que considero importantíssimo, é o fato de nada ser feito de couro. Sim, nenhuma vaquinha, cabrinha ou ovelhinha cedeu sua pele na montagem dos belos cabedais rendados, com estampa de cobra ou partes metalizadas. É tudo feito no laminado ou melhor, em PU, o poliuretano que tem possibilidades infinitas de textura e aparências. Pronto, só isso já me conquistou. Faltava o fator humano, alguém que falasse sobre a marca. Veio o Anderson Furlanetto, herdeiro, sócio e designer competente da Cecconello. Simples, tranquilo, mostrou as principais tendências do verão, deu seu recado e prometeu voltar com frequência ao Rio para lançar as novidades. Nesta estreia, reuniu imprensa e formadores de opinião na Rubaiyat, recém-inaugurada no Jockey, no Rio. Foi um sucesso, como evento - não só pela curiosidade do povo de conhecer o lugar, como pela surpresa de encontrar um trabalho de moda muito bom. Tudo orquestrado pela Adriana Franca, a assessora que mereceu aplausos pela eficiência à frente da Contacto. A Cecconello chega com força de produto capaz de enfrentar a concorrência com estrelas como Schutz, um case de sucesso impressionante entre as cariocas. Linhas principais da Cecconello No verão, estas são as linhas do estilo: Acqua - com transparências em vinil. Um detalhe, a marca de Gramado só faz sapatos, não entra no setor bolsas Exotics - o destaque das vendas atuais, com cobras e arraias nos materiais Dolce Vita - a fofura dos tons pastéis e nudes, contrastando com detalhes dourados Golden Stripes - tubinhos de metal dourado formam as listras que sobem pelos tornozelos nas sandálias puro glamour Graphics - saltos e plataformas trabalhadas Tropicale - aplicações de flores em tiras metalizadas prata ou ouro Metallic - aí está a identidade da Cecconello, a linha mais glamorosa Greco - versão 2015 das gladiadoras Glam - o luxo das pedrarias contrastando com palhas E mais: o Rubaiyat (ou a Rubaiyat?) é bem bonito, grande. Recomendo a varanda virada para as pistas do Jockey Clube, em dia bonito. Se chover, fiquem no salão, que tem janelões para a paisagem. Boas carnes, a equipe tem paciência de atender aos pedidos de passar muito bem. No lançamento foram servidas tiritas de picanha / mas quem me conhece sabe que sou doceira. Amei a sobremesa, os quindins, o folheado, o doce de leite. Dizem que o pudim de leite e os chocolates também estavam uma loucura / pelo jeito, o destaque do verão será o tornozelo / tassle, borla, pingente e agora barbicacho, o nome que a Cecconello dá aos penduricos franjados. Falei que são gaúchos? / graças ao uso do PU em lugar do couro, material que está em falta no mercado, os preços da Cecconello ficam entre R$ 200 e R$ 300 no varejo / quem já está se coçando para ter um par da linha Greco pode comprar online, vejam como pelo Facebook da marca / os modelos têm nomes. Então, os sucessos da estação prometem ser Cleópatra, Nefertiti, Athena, Anubis e Horus. Puro Egito!

Tuesday, August 19, 2014

Perfumes da Puig

Eventos pequenos podem ser muito elegantes. Principalmente dependendo do local e do produto lançado. A empresa Puig (pronúncia "puti", como o estilista italiano Pucci. Mas a Puig é catalã) montou displays de seus perfumes novos no salão Azul do Copacabana Palace e convidou imprensa local e de estados para conhecer as novidades. Estes ainda tiveram o privilégio de se hospedarem no próprio Copa. Para quem não sabe, a Puig é poderosa no setor de beleza e perfumes. Simplesmente, um grupo dono dos perfumes da Carolina Herrera, Paco Rabanne, Jean-Paul Gaultier; tem a licença de produção dos perfumes Valentino e Prada, faz a distribuição do Azzaro, Swarovski, Thierry Mugler e...Chanel! Estes nomes formam a linha Prestígio. No evento foi lançada a linha Beauty, composta por marcas ligadas a celebridades e estilo de vida. Roberto Araújo apresentou os novos, enfatizando que o objetivo da Puig é atender a todos os públicos. Uma boa intenção, devidamente coerente com o preço médio dos perfumes, em torno dos R$ 99 até R$ 129,90. Estes são os lançamentos: Linha United Dreams, da Benetton - três perfumes, o Love Yourself, em tons e perfume de rosa, "com notas de amor próprio", segundo o Roberto; o Live free, à base de chá verde e maçã verde e o Stay Positive, mais cítrico. Os frascos imitam os antigos, de laboratório. Agatha Ruiz de la Prada é a designer espanhola mestra em cores alegres e coleções engraçadas, cheias de corações e flores estilizadas. Também tem três fragrâncias na linha Love Glam, estas gracinhas, em embalagens fofas Antonio Banderas assina uma linha sensual e misteriosa, masculina e feminina, com chaves e fechaduras nas embalagens. São Golden Secret, Her Secret e já se sabe que vem um megalançamento em 2015, algo como Cocktail Seduction, bem Banderas. Até a Pacha, boate mais famosa de Ibiza, lugar de night mais famoso do mundo, tem linha de perfumes. São três masculinos, com frasco em forma de cantil e nomes como Night Instinct, Hot Energy e Ibiza Privé e três femininos, em estojo imitando porta-joias e frascos como pedras preciosas, com as cerejinhas gravadas. Em tempo, as cerejas, que sempre pensei que eram inventadas como fashion pelo Marc Jacobs, são símbolos da Pacha Ibiza. Juliana Paes também tem seu perfume, o terceiro com seu nome na Puig. Juliana é a única celebridade que eles apostam para um único (e enorme) mercado consumidor, que é o Brasil. O novo se chama Glam, os anteriores eram Essence e Exotic e foram muito bem de vendas, obrigada. Roberto elogiou a atriz, dizendo que, como todos os outros famosos, ela participa da criação e das campanhas e ações de marketing. Bom, nunca tinha assinado um documento garantindo que não comentaria nada sobre um lançamento. Só se pode falar, citar, a partir de 15 de setembro. Em todo caso, como o display estava lá montadinho, e assistimos a um clipe da celebridade, adianto que se trata de uma loura, latina, rebolante, ligada a um atleta de um esporte muito popular.