Friday, November 27, 2009

Unhas de verão 2010


Da esq. para a dir: Atrevida, Batida de Coco, Puro Glamour, Coral Chic. O Noite Quente já se foi. uma alminha de vampira abduziu


Um dia, há algum tempo, unhas brancas eram o máximo da cafonice. O cor-de-rosa então, nem nos coloridos anos 1980 podia decorar as mãos.
Como as expressões “há algum tempo” ou “um dia”, ou mesmo “antigamente” viraram passaportes para a modernidade, rosa e branco são perfeitamente aceitáveis atualmente. Mais ainda: são cobiçados!
Quem não procura na cestinha da manicure “O” rosa certo? E quem, se sentindo encasacada com um esmalte vermelho-escuro, não quer se sentir mais leve e fresca, com um bom branco fosco? Ainda tem a turma dos vampiros e crepúsculos, que vibra com os roxos e violetas.
Enfim, tudo o que não era, agora é o máximo em matéria de esmaltes.
Vi estas cores exóticas – preto, cobre, gelo ou verde-claro – primeiro nas coleções da Chanel e da Vuitton. Mas dificilmente as propostas da Colorama são superadas. A série de verão Verniz & cor tem o laranja Garota Verão; o coral rosado Atrevida; o rosa aberto Rosa Chiclete e o lindo Coral Chic.
Na série Cremosos, vem o Puro Glamour, estrela do verão; o branco Batida de Coco e o roxo Noite Quente.

E agora, o melhor: cada vidrinho custa em torno dos R$ 2,15 (preço sugerido pela Colorama). Poucaas felicidades custam tão baratinho, não é? Vão dizer que um esmaltinho novo não ameniza um dia cheio de engarrafamentos,, chuvaradas e outras chatices urbanas? Passa na farmácia, leva um coral e sai contentinha. Pode ser até que não dê tempo de passar nas unhas, mas só a visão do vidrinho colorido na bancada do banheiro já é uma esperança

E mais > que calor é este? Por mais que saibamos que estamos no verão, ninguém resiste a uma reclamação e uma bufada. Dá preguiça de fazer escova no salão, passar chapinha em casa, e ronda uma tensão muito moderna: a de faltar luz e ficar sem ar condicionado! Quem vive voando, pensa duas vezes em pegar uma Ponte Aérea naquele horário das chuvaradas paulistanas. Aliás, qual é mesmo o horário? Já vi temporal de raios e trovões às nove da manhã, e um baita sol ao meio-dia.
Para a moda, vale o vestido de algodão, soltinho, estampado. Por onde anda? Só se encontra microvestido, que as meninas usam com legging preto, em tecidos mistos e decotes sem pé nem cabeça. Legging neste calor, ninguém merece.