Friday, October 16, 2009

Moda e ONGs



Este mix de rendas de bilro, silicone e crochês tem a assinatura do Lindebergue Fernandes, estilista cearense que participa do projeto Fashion Frequência 2.0, no Oi Futuro (Rio de Janeiro). São 10 criadores, com 10 cooperativas, com direito a desfile na segunda-feira, dia 19 e expo de fotos de moda e arte.


Quem participa com quem

A Addict trabalhou com os retalhes de tear da Coopama

A 2K2, de Claudia Koepke e Lucinha Karabtchevisky inventou figurinos com material da Nosso Papel

Daniela Martins usou tie dye e batik da Ação Comunitária

A Q-guai trabalhou com as Bordadeiras da Coroa

Sans Clichê foi no Instituto da Criança para ter tingimentos diferentes, grafitados

Bruno Muniz, do Pará, trabalhou com material da Arte Pam

A D’Arouche, de São Paulo, usou os botões de madeira da Cooperativa Butantã

O Fabio Bartz, do Paraná, apelou para as sedas da Casulo Feliz

O Lindebergue Fernandes, do Ceará, autor do croqui, aplicou rendas de bilro da Arte e Costura

E a Uódafoca, de Brasília, enfeitou suas peças com capim dourado e sementes de baru da Central do Cerrado


O elenco do desfile é um casting de new faces de comunidades carentes.

Além do desfile e da exposição de fotos há palestras rondando o tema do projeto.

Na terça-feira, dia 20, a estilista Mary Katrantzou, que mostra coleções na semana de moda de Londres fala da moda como linguagem

Na quarta, dia 21, é a vez do fotógrafo belga Pierre Debusschere

Na quinta, dia 22, Anthony Waller, profissional de marketing, aborda a moda sustentável.


As palestras estão marcadas no horário das 15 às 17h, são certificadas. As inscrições devem ser feitas pelo telefone (21) 2569-6310




Fashion Frequencia 2.0

Oi Futuro: Rua Dois de Dezembro, 63 – Flamengo (Rio de Janeiro)

De 20 a 25 de outubro