Friday, October 23, 2009



Donatella Versace (na foto, no final do desfile de setembro, em Milão) vem para o Rio


A primeira edição do Fashion Rocks acontece neste sábado, com o patrocinio da Oi, no terreno de 10 mil metros quadrados do Jockey Clube da Gávea, no Rio de Janeiro. Como evento, já acontece no mundo – Mônaco, Londres, Nova York receberam o show-desfile. Como conceito, espelha exatamente o fenômeno das celebridades, que fascina o público. Reúne estrelas de vários escalões – desde antigas, como Grace Jones (anos 80) até pop, como Mariah Carey e gente da moda, como Marc Jacobs, Donatella Versace, Francisco Costa pela Calvin Klein e os brasileiros Lenny, André Lima, Lino Villaventura e Alexandre Herchcovitch.

Maria Carey em momento transparência

Como espelho, o Fashion Rocks aproxima a platéia, que pagou no mínimo R$ 580 para entrar no suntuoso espaço, de seus mitos. Ninguém se interessa pelas roupas a serem desfiladas – importante é ver de perto o Jacobs, criador da própria marca e da luxuosa Louis Vuitton. Nem por qual coleção será exibida pelo Herchcovitch, querem mais é saber como ele vai aparecer, quem vai chamar para desfilar. Até o diretor de moda é celebridade, já que Paulo Borges, diretor da São Paulo Fashion Week e do Fashion Rio, se encarrega de coordenar as passarelas.


Planta do Fashion Rocks

Para a Oi, é mais um passo na estratégia de marketing, que foca em música e moda. Quem estiver fora do Rio ou não está entre os cinco mil roqueiros / modeiros da platéia, porque não foi convidado ou não conseguiu comprar ingresso, pode acompanhar a noitada pelo site Oi Fashion Rocks, pela Oi TV Móvel ou pegar flashes na rádio Oi FM.

Começo – o Fashion Rocks começou em Londres, em 2003. Já participaram desfiles de Calvin Klein (que vem para o Rio, com modelos do mineiro Francisco Costa), Giorgio Armani, cantores e bandas de Jamiroquai, Elton John,Bryan Adams, Beyoncé. Parte da renda se destina a projetos sociais.


Mario Testino, em Paris, depois do desfile Givenchy

E mais – haverá leilões de peças das coleções, instrumentos, jóias e fotos dos participantes e dos desfiles, coquetéis, jantares. Mario Testino, o fotógrafo peruano baseado em Londres, maior estrela / celebridade do mundo da moda, lança o livro Mario Rio de Janeiro Testino no Copacabana Palace.

Na última hora, Lulu Santos desistiu por motivos de saúde, do show que acompanharia a moda de Herchcovitch. O DJ Pharrel também não vem, e será substituído por P. Diddy, um dos líderes do hip hop, dono de vozeirão e figura expressiva também no mundo das grifes, já que assina marca própria. No Brasil, chegam suas coleções de óculos, de muito bom design. Nos shows, deve se destacar o rapper JaRule. Mesmo que as palavras sejam difíceis de acompanhar, pelo inglês rápido e cortado do rap, a performance do astro garante a diversão. Já Daniela Mercury vai combinar o agito da dança e o bom entendimento das suas músicas.

Sobre rodas
Uma das sensações da noite será a chegada das celebridades. À frente da tenda principal haverá o tapete vermelho de praxe. Mas os carros que trazem os participantes prometem despertar tanta admiração quanto seus passageiros. A BMW Brasil montou uma ação especial no evento. Começa na sexta (hoje) no Copacabana Palace, pelo leilão de uma viagem para Munique, com direito a visitar a fábrica da BMZ, em prol da instituição Rio Solidário. No dia 24, sábado, dois Mini estarão expostos em lounges. O Mini Cooper Cabrio servirá de estúdio para o Mini TV, programa do blog www.miniposts.com.br. Um quarteto de jazz estará ao lado de novidades como o BMW Z4, o 320i e a moto BMW F 800 R.
Dos 12 carros que transportarão os artistas e personalidades, Maria Carey chegará em um BMW série 7. Donatella Versace virá de BMW X6.

Informações de ultimíssima hora em www.oifashionrocks.com.br


Intervalo / deve ser um espetáculo, o Fashion Rocks. Espetáculo, nem de moda, nem de música, já que não há coleções com intenções comerciais nem possibilidade de coerência musical em um show com trocentas atrações em uma só noite. Pronto: é um espetáculo com celebridades. Quem estiver na platéia também se sentirá importante e vip / tomara que não chova. Como o espaço é fechado, não faz diferença para o show. Mas fica difícil circular, chegar ao local, etc / A produção sabe lidar com intempéries. Basta lembrar que o Fashion Rocks começou em Londres, cidade de clima imprevisível / Em matéria de mix de teatro e moda, o melhor que já vi foi assinado por Gerald Thomas, durante uma ópera no Teatro Municipal do Rio.