Wednesday, December 31, 2008

Hoje tem festas

Ainda há tempo de agitar uma festa de Réveillon. Afinal, cartão de crédito serve para que, se não for para divertir? Tem festa no Pink Fleet, na Marina da Glória, na Hípica, em todos os grandes hotéis, do lindo e novo de Santa Teresa até o Copa.
Em matéria de evento grátis, me parece que a praia da Barra vai ser o point, porque o Paul van Dyke, DJ alemão, vai atuar, junto com a orquestra sinfônica. Ele é um dos pioneiros do tecno, vale ver e ouvir. A música deve acompanhar os fogos. O programa dos sonhos seria se hospedar no Windsor ou no Sheraton Barra, assistir ao show e evitar o trânsito de volta para casa e ainda curtir uma piscina e um belo café da manhã no dia 1º.

Anita Bernstein aposta no Sheraton Rio, um dos destaques da noite. Só o cardápio já é uma atração!

A noite no Sheraton

Anita Bernstein

Vai até as três horas da manhã a festa de Réveillon do Sheraton Rio com dois jantares em estilo bufê do consagrado chef paulista Rogerio Siqueira, servidos na área de lazer das piscinas, com vista deslumbrante para as praias do Leblon e de Ipanema. As crianças tem bufê especial com desconto e atividades de recreação com supervisão de monitores, no Kid’s Club Sheratoons..

No restaurante Casarão impera o estilo brasileiro, servido a partir das 20h (R$ 350).
No Salão Carioca a versão é multinacional com pratos exóticos no quilométrico bufê que abre às 21h (R$ 690). Inclui lentilha rosa, que simboliza prosperidade e amor, acompanha peixe com chutney de tomate. Imperam pratos das culinárias brasileira, mediterrânea, tailandesa, japonesa de sushi e sashimi, a tradicional cascata de camarões, estações de antipasti, crepes e incontáveis delícias. Iluminam o salão os Girassóis pintados por Van Gogh e que regem o Ano de 2009. Além de bebidas nacionais, vinhos inclui vinhos importados. Música ao vivo da Banda Excentric e à meia noite uma cascata de prata anuncia a chegada do Ano Novo, seguindo com o som do DJ Felipe Andrade da Bossa Carioca.

Programação do Sheraton Rio no 1º dia de 2009

O primeiro Café da manhã do ano, no restaurante Mirador abre para hóspedes e público em geral a partir das 05h até 11h. O bufê mais que completo inclui uma taça de espumante (R$ 75).
Com bufê internacional, o almoço no Restaurante Casarão, vai das 13h às 17h, incluindo uma taça de espumante (R$120). Para crianças é oferecido um bufê especial com desconto.

Sheraton Rio Hotel & Resort
Preços de bufês tem acréscimo de 10% (taxa de serviço).
Av.Niemeyer, 121. Tel.: (21) 2274 5454.

Na Barra da Tijuca se destacam o Sheraton Hotel & Suítes e o Windsor.
Os dois hotéis ficam bem próximos ao palco onde serão realizados os shows musicais de Réveillon promovidos pela Prefeitura. Ambos oferecem bufês requintados.

No Sheraton da Barra o chef José Ribeiro estréia neste Réveillon sua versão
gastronômica servida em dose tríplice, no restaurante Terral, de frente para a Praia
e em Salões de Eventos.O hotel conta com Sintia Gomes no comando, como
gerente geral e com Clay Sawyer na diretoria de Alimentos & Bebidas. No dia 1º
de janeiro é servido um bufê especial de café da manhã e de almoço, que são abertos
ao público durante todo o ano.

Sheraton Barra Hotel & Suítes
Av. Lucio Costa, 3150.
Tel.: (21) 3139 8000


Réveillon e brunch no JW Marriott
O hotel localizado na Avenida Atlântica, entre as ruas Figueiredo Magalhães e Santa
Clara fica bem em frente ao palco onde acontecerá o mega show de Réveillon em Copacabana, que deverá atrair segundo estimativas cerca de 2 milhões de pessoas.

No ranking dos melhores bufês de café da manhã (R$ 52) e de brunch (R$ 75), da hotelaria carioca, figuram os do JW Marriott. Com cardápios assinados pelo chef irlandês Gerard Diviney no 1º dia de 2009, o café da manhã começa às 06h30 e vai até as 10h no restaurante Terraneo e continua sendo servido em salão de eventos, para dar lugar ao brunch, bem no estilo americano, mesclando breakfast & lunch (R$ 75). com cardápio mediterrâneo, que vai das 12h30 às 17h.

JW Marriott Hotel
Av. Atlântica, 2600, Copacabana, RJ
Tel.: (21) 2545 500

Tuesday, December 30, 2008

Lá vem os italianos

Abro o site da WWD, e qual é a matéria principal? As empresas de luxo italianas consideram o Brasil o grande mercado promissor para a moda da turma de Milão e adjacências! Melhor do que os companheiros do grupo BRIC (Rússia, India e China), muito melhor do que a Europa, porque tem riquezas naturais, do gás à madeira; crescimento populacional forte, moeda forte (?) e estratégia fiscal que teria tirado o país do poço.
Da marca Missoni, Vittorio Missoni se diz satisfeito com o desenvolvimento nos dois anos, que as brasileiras gostam do colorido e das estampas, que eles vendem na NK Store, em São Paulo. Salvatore Ferragamo é outra marca de sucesso, que planeja ter 10
lojas no Brasil, em cinco anos, apostando no surgimento de novos shoppings e hotéis de luxo.
O pessoal do grupo Armani, que tem duas lojas Giorgio Armani, três Emporio Armani e cinco A|X no Brasil, considera os brasileiros “big spenders”, somos os russos da América do Sul e gastamos bem também nas lojas de Paris e Londres.
Mark Lee, CEO da Gucci também está empolgado, segundo a matéria da WWD. Depois de manter a loja dentro da Daslu (até hoje), foi aberta a loja no Iguatemi, em SP. Mesmo as taxas de importação estão diminuindo, apesar de ainda serem consideradas grandes obstáculos às vendas de importados.

E por aí vai o texto, apesar de Cristiana Ruella, diretora da Dolce & Gabbana, ainda se dizer na espera de que algumas regras mudem. Em compensação, a megastore da Diesel em São Paulo está servindo de teste para a futura loja de Nova York.

É isso, sempre interessante ver o que pensam os que estão do lado de fora. O que vejo de prático é mais amplo do que a mera concorrência com as marcas nacionais. Se o Brasil for um grande mercado, o estilo internacional vai se adaptar ao nosso gosto e clima. Pelo jeito, temos histórias interessantes à frente.

Monday, December 29, 2008

Ano Novo, roupa nova


Estilo de réveillon (Animale, Levi's e Ellus)




O que vestir na virada do ano? Depende do programa.


1. Na praia, nem se importando com chuvaradas, tomando banho de espumante: macaquinho e rasteira. Ou tênis de loninha, para proteger dos cacos de vidro. Nosso exemplo é da L’Étage, vestido pela Guisela Rheim, foto de Paschoal Rodriguez (L’Etage: tel (11) 3044-0478).

Também da L’Étage, a blusinha aqui à esquerda, usada com cinto e shorts

2. Em festa chique, com champanhe importada, vale brilho, vestido fino, um investimento. A nossa sugestão, vista lá no alto, saiu na revista do Barrashopping, é da Animale (R$ 279). Do lado, o acompanhante, de calça Ellus (R$ 279) e camisa Levi’s (R$ 179), bonitão. A foto que abre este post é do Robert Schwenk, produção de Ana Andreazza (tudo, no Barrashopping)


3. Para celebrar e depois continuar usando durante o verão, vestido de alcinhas da My Place, à esquerda (R$ 89). O preço é muito bom, não é? (My Place: shopping Rio Sul)


4. Prático, o macacão, à direita. Compre para o Ano Novo e já adote a moda. Com rasteira fica melhor, e vai a festas familiares, beira de praia, até serra com uma jaquetinha ou xale. Da Enjoy (shopping da Gávea)


5. Em hotel de luxo, um jeitinho romântico e feminino, com o vestido de barra festonada da Leeloo (R$ 348), pode calçar uma sandália dourada, que fica perfeito o look (www.leeloo.com.br)


6. Batinha rendada (R$ 278) e bermuda, à direita, sobre sutiã de biquíni, também da Leeloo, para passar a noite em Búzios, Guarujá, Florianópolis, Salvador


7. Outro vestido versátil, este, da Wöllner, bem fresco, para Ano Novo à beira-mar, a bordo de barco, em ilha deserta, enfim, al mare. À esquerda, com chapéu de laço


8. Vestido longo, elegante, da Lenny. Opção sem erro, seja onde for a festa. Este é meio degradê, lindão (R$ 575), à direita.

Delícias da Chaika


Tarteletão de bacalhau



Esta é uma das marcas cariocas que mais se reinventam sem parar. Ronda os 40 anos, sempre como um point em Ipanema freqüentado pelo pessoal do bairro e adjacências e por turistas do mundo inteiro. Portanto, é moda!
Dia 24 é um caso sério, um verdadeiro visual de Natal, com tortas e tenders ocupando a casa inteira, aguardando serem levados por quem fez suas encomendas para a ceia.

Outras receitas foram preparadas para a ceia de Ano Novo. Vejam as sugestões e respectivos preços:
1) Tarteletão de Bacalhau - Massa de tarteletão com castanha, bacalhau desfiado, cebola, batatas, creme especial, ovo cozido e azeitonas pretas (R$ 78)


2) Torta Beleza Pura - Massa de pão de ló de chocolate, recheio de ganache, cobertura de ganache, morangos ao chocolate e rolinhos de chocolate (R$ 68)


3) Torta Nozes c/ Ovomaltine - Massa de nozes com ovomaltine, recheio de creme de ovomaltine, coberta com ovomaltine e nozes carameladas (R$ 69)

Decidam, escolham logo, e corram, porque a Chaika aceita encomendas até as 17 horas do dia 30, terça-feira. A retirada será no dia 31, até as 16 horas (tel: (21) 2267-3838)

Saturday, December 20, 2008



Vitrines de Natal
Mais um dezembro, mais vitrines memoráveis...em Nova York. Aqui no Brasil, só recentemente começamos a valorizar este espaço que, segundo pesquisas de consumo, é o melhor argumento de venda. Mara Mac sabe disto, e sempre encanta pela originalidade de vitrines. A Regatta, loja de tecidos de decoração é outra que merece respeito, consegue unir arte e mercadoria. Sem falar na Zara, mas é um modelo internacional. Ontem vi uma montagem na Sandpiper do Rio Sul bem bacana, três bonecos sentados.
Esta graça natalina é da Lord And Taylor, lojão americano que sempre ganha os prêmios de melhor vitrine de festas com as produções inventados pelo brasileiro Manoel Renha. Desta vez, o tema é o próprio Natal. Cada janela tem um destaque: os doces favoritos, as tradições, as histórias, os enfeites, os brinquedos e as canções. Escolhi os doces, por terem a ver com as tendências futuras. Lindo, não?
Só não arremato dizendo que gostaria de ver ao vivo, porque Nova York nesta época é meio neve demais para meu gosto. E frio com vento, e ruas escorregadias. Enfim, um convite ao uso do cartão do seguro de viagens.





Estas imagens são da campanha de alto-verão do Alexandre Herchcovitch. Um pouco quentes para os dias de maior calor, vocês podem pensar. Capuz, com 40 graus? Mas pensem bem: verão traz chuva, principalmente em São Paulo. Lá, ao contrário dos estados acima da fronteira Rio/SP, quando chove, a temperatura cai e muito. Já peguei 13 graus em fevereiro, durante uma São Paulo Fashion Week.
Portanto, tudo a ver a coleção. Um estilista deve criar em função também de sua região, da sua identidade.
Os modelos são Guilherme Klopper e Gracie Carvalho, com beleza por André Gagliardo. Fotos de Claudia Guimarães.

Fashion Rio
Em pleno camarote da Renner, no show da Madonna, tive notícias da coleção da Lilica Ripilica, que mais uma vez abre os desfiles do evento carioca.
Quem contou foi a Rafaela Donini, mulher do líder do grupo Marisol, o Giuliano. “Vai ser uma coleção mostrando o estilo de uma menina que se encanta com um conto de Machado de Assis”. Promete ser lindo e cult.

Tuesday, December 16, 2008


O Fashion Rio anda muito social e festeiro. Eloysa Simão (à esquerda, descansando os pés) e Eduardo Eugênio Gouvêa Vieira convocaram um grupinho desfilante para uma confraternização no Hotel Santa Teresa, com brindes e massagens relaxantes.
Entre os convidados, a Alessandra Migani (Alessa), Bianca Bastos (Espaço Fashion), Mara Mac Dowell (Mara Mac), Malba Paiva e Ana Magalhães (Maria Bonita Extra, à direita, de guarda-chuva), Marcela Virzi (Virzi), Luciano Canale (Santa Ephigênia), Tito Bessa Jr (TNG), Victor Dzenk, Roberta Oliveira (Tessuti), Beto Neves (Complexo B e Jurgen Oeltjenbruns (Redley). Em resumo, a fina flor do Fashion Rio.
Fashion Rio: de 11 a 16 de janeiro de 2009

Show-desfile

Muito bom, o show da Madonna, para quem é fã ou para quem gosta de moda. E olhem que o primeiro, no Rio, foi abaixo de chuva forte, das que ensopam, fazem cair no palco e enfraquecem a voz. Pois a loura superou o mau-tempo, a platéia agüentou firme, com aquelas capinhas plásticas de nada, sem reclamar. Foi realmente memorável, assistir, ouvir e de vez em quando olhar para os feixes de luz dos canhões, e ver a chuvarada caindo.
Bem que no meio do espetáculo Madonna disse “eu quero parar”, mas a gritaria de protesto impediu. Ela não teria coragem de largar aquele povo encharcado, pulando no Maracanã. E continuou, ainda que de vez em quando perguntasse “you dont mind the rain?” , ou “vocês não se importam com a chuva?”.
Do ponto de vista de estilo, o figurino era bem madonnesco, com os corseletes de sempre, as botas (trocou a de cano alto pela de caninho baixo), os shorts. Um vestido colorido entrou no módulo cigano e latino. Aliás, nunca imaginei que ia gostar de mais uma versão de La isla bonita. Pois gostei.
O destaque de estilo também vai para a roupa dos dançarinos, bem colorida no módulo japones, quando a turma toda pula corda de uma forma louca. Já tinha visto uma família de japoneses pulando assim, a toda, no Clube Federal. Outro bacana, o DJ que abriu a noite, de calça preta de cós baixo, camiseta branca e colete preto curto. E o Justin Timberlake, dançando em telas no palco, ótima coreografia e de tênis velhos! Estas coisinhas conquistam a gente. Eu sempre quis saber quem fazia as botas dos personagens de teatro infantil, dos patinadores, os sapatos de dança flamenca e os mocassins do Gene Kelly e do Michael Jackson. Adorei ver os tênis surrados, de gente como a gente. O que não significa que a gente dance tão bem.
Um make simples, de muito olho e pouco brilho, cabelos ondulados, como se tivesse saído do chuveiro. Nem podia ser diferente, com a chuvarada.
Na platéia de convidados da Renner, destaque para Miguel Falabella, sempre animado. O Murilo Rosa, sem a Fernanda Tavares, que estava às voltas com bebê febril. O Marcelo Hitcho e o Marco Antonio de Biaggi, nossos hair stylists super-fãs da loura. A Natalia, que está virando mais uma eterna Miss Brasil, e a Daniela Mercury, muito bem, e muito bem acompanhada. Nelsinho Motta, que saiu cedo, numa das primeiras vans.
Falando em van, é preciso comentar a eficiência da equipe da Renner em relação ao transporte e recepção dos convidados de seu camarote. Luciene Franciscone, do marketing da marca, concordou que este patrocínio faz parte de uma nova etapa da Renner. Em 2009, eles trazem o Simply Red e mais uma banda internacional, ainda em segredo.
Ok, trazer Madonna é um feito incrível. Além deste investimento, nota-se que a rede se aprimora a olhos vistos. A cada dia, se aproxima mais do conceito da H & M, a famosa rede sueca que ainda não chegou ao Brasil. Principalmente na área de acessórios, a Renner empata com eles.

Bem, até tentei esgueirar da bolsa, sem molhar, minha câmera-sabonete (como os fotógrafos profissionais chamam nossas humildes digitais pequenas) e tirar algumas fotos. Debalde. Ou melhor, de chuva, já que a luz forte ofuscou, a chuva borrou e a multidão atrapalhou. Aconselho a verem o show ao vivo, se puderem. É muuuuito melhor do que em DVD, em foto ou no YouTube.

Sunday, December 14, 2008


Barato, gostoso, cheiroso, o kit Suissa Especial, que contém desodorante corporal (que vale como colônia) e sabonete, com fragrâncias alfazema, lavanda ou Femme. A embalagem é um saquinho rústico, confeccionado por um núcleo de desenvolvimento comunitário, o que dá o toque politicamente correto ao presente. Preço: R$ 20 (sugerido), à venda nas grandes redes de farmácias, hipermercados e perfumarias.

O que mais gostei foi saber que a empresa, o Grupo Suissa, ocupa 12.300 metros quadrados em Nova Iguaçu e mais 7.800 metros quadrados em Ramos. Tudo no Rio! A origem do grupo foi a Perfumaria Floramélia, fundada em 1928, fabricante da famosa Loção Camélia do Brasil, de rejuvenescimento capilar. Em 1950 a família Arnaud comprou a fábrica e começou uma nova era de investimento em tecnologia moderna. Atualmente a cartela de produtos inclui desde a Flora Nenem, com itens para cuidados infantis, até a Vap, linha de loção anti-mosquito em versão spray ou cremosa hidratante.

Sunday, December 07, 2008

A bordo
Povo da moda adora viajar. Esta é uma seleção de lugares, cidades e quitutes para celebrar o Ano Novo. Ou apenas para um bom café-da-manhã...





Café da manhã em Belo Horizonte
Costumo aproveitar este horário para reuniões e entrevistas. No Rio, vou muito ao Caesar Park, em Ipanema.
Agora recebo a notícia de que o Royal Savassi, hotel da rede Royal Towers (está na foto ao lado) tem um super-café, com bufê de pães, tortinhas, bolos, frutas e aquelas delícias da cozinha mineira (pães de queijo, biscoitos de polvilho, suponho). É aberto a não-hóspedes e custa apenas R$ 20. E fica no restaurante do hotel, um espaço estilo gazebo, de onde se vê o movimento da Savassi. Vou lá, quando marcar entrevistas com o querido Renato Loureiro, a Eliane Queiroz, a Mary das bijuterias e o Ronaldo Fraga.
Como nem tudo é perfeito, o horário é só até as 10 horas.

Hotel Royal Savassi
Rua Alagoas, 701 / Savassi / Belo Horizonte – MG
55 (31) 3247 6999
www.royalsavassi.com.br


Rocamboles em Porto Alegre

A Confeitaria Chantily (assim mesmo, com um L só) aceita encomendas para as festas de fim de ano. Os preços são muito bons, comparando com Rio e São Paulo, e os quitutes gaúchos costumam ser irresistíveis. Um rocambole grande, mais 100 salgadinhos, por R$ 52; um pequeno, com 50 salgadinhos (é muita comida, tchê), por R$ 30! Uma torta de 30 fatias, mais 30 salgadinhos, por R$ 120.

Confeitaria Chantily

Rua Andrade Neves (vulgo, rua da Praia), 86 | Porto Alegre – Rio Grande do Sul
Tel: 3325-8560
www.confeitariachantily.com.br

Para quem fica por aqui, no Rio
Uma renovada no corpitcho, com uma massagem turbinada, dá um up para 2009. Mais uma máscara hidratante de fios de seda para a face, que trata as peles desidratadas e um verdadeiro spa para os pés, com esfoliação de cristais, tonificaçnao com spray de colágeno e uma luva de parafina de pêssego, seguida por massagem com creme nutritivo. Este é o kit de fim de ano da Bellez@.com, em Copacabana. Preço: R$ 235.

Bellez@.com

Rua Barata Ribeiro 370
Tels: 209 – tel 21. 2255-0105 /2547-2172
www.rjbelleza.com.br

Réveillon em São Paulo
Uma boa idéia, do grupo Chieko Aoki, de promover um réveillon temático, com festa all-inclusive. Será no espaço Villa Noah Embratel, junto com a rede Blue Tree Hotels, com o tema Energias Positivas. O pacote inclui hospedagem, presentinhos nos quartos, champanhe com partículas de ouro para o brinde de ano novo, simpatias para atrair paz, saúde, dinheiro, amor e fartura, monitores para a criançada e festa com bandas e DJ.
Os hóspedes dos hotéis Blue Tree ganham transfers de ida e volta para a festa, café-da-manhã como cortesia até as 14h e late check-out até as 17h.


Em Buenos Aires
O maravilhoso hotel Alvear está lotado para o Ano Novo, só tem vagas no Natal. Vale a pena, porque há um programa de compras que deve ser bacana.
Para a virada do ano, o hotel mais chique da capital argentina promove uma festa de gala, aberta também a não-hóspedes. Começa às 20h, pela recepção no térreo, nos salões Regence, L’Orangerie e Jardin d’Hiver. Depois, a festa no décimo andar, no Roof Garden. O jantar, às 20h45, com um show de tango. A orquestra toca até depois da meia-noite, a dança inclui som de DJ madrugada afora. Os preços são em torno dos US$ 430 e para menores de 10 anos, US$ 322 (atenção: são dólares!). Digo que são preços aproximados porque estes valores valiam para reservas antecipadas.
E como é gala, é na base do smoking ou terno preto. Gala mesmo, que lindo.
Informações no Brasil: X-MART Consultoria & Marketing
Tels. (11) 3081-2327 ou (21) 2249-0588
E-mail x-mart@x-mart.tur.br



Nas montanhas
A uma hora de São Paulo, o Vale Suíço Resort Hotel oferece toda a paisagem da serra da Mantiqueira. Fica em Itapeva (MG) e preparou pacotes de cinco, seis ou sete diárias, com ceia, garrafa de champanhe em cada apartamento, shows, esportes radicais e centro de estética. Segundo info enviada, o pacote de cinco dias com pensão completa, água e refrigerante na ceia de réveillon, uma sessão de quick massage e uma tirolesa, para um casal e uma criança até 12 anos no mesmo quarto, está por R$ 5.907.

Vale Suíço Resort Hotel

Rodovia Fernão Dias, km 931 | Monjolinho | Minas Gerais
(35) 3434-1077 ou central de reservas (11) 5031-3000
www.valesuico.com.br

Em São Paulo, no Anhembi
Parece estranho, sugerir um ano novo lá naquela lonjura. Mas o Holiday Inn Parque Anhembi é um hotelzaço, tem no dia 31 de dezembro tarifas de R$ 140 (uma pessoa) ou R$ 160 (duas pessoas), com café da manhã e late check-out até 16h.
A ceia, a R$ 280 por pessoa será no restaurante Camauê com menu incluindo patê de foie, salmão fumê, bufê frio e bufê quente com vitela assada ao molho de ervas e vinho e camarão ao champanhe, entre outras opções. De sobremesa, torta Jack Daniels, torta americana no cinturão de chocolate. E na estação de sopas, uma bela sopa de lentilhas, para dar sorte. No café de saída, brigadeiro de colher, uau. Criancas até cinco anos não pagam e de 6 a 12 têm desconto de 50%. O show da banda Platauê e a apresentação de ritmistas de São Paulo se encarregam do barulho

Holiday Inn Parque Anhembi

R. Prof. Milton Rodrigues, 100, Parque Anhembi
Tel: (11) 2107-8844
www.hipa.com.br.


Ôba, na Disney!

Já providenciou o visto americano? Não tem medo da alta do dólar? Aproveite os pacotes da Disney. Só que são a partir de 4 de janeiro (deve estar tudo lotado antes).
Quem comprar um pacote de quatro noites e quatro dias incluindo ingressos para os parques ganha mais três noites de hospedagem e mais três dias de ingressos. Quer dizer, fica uma semana e paga quatro dias. O que significa US$ 1.271 por pessoa, para reservas feitas até 20 de dezembro. No check in é entregue um cartão-vale de compras no valor de US$ 200, para gastar no complexo Disney. Este pacote vale até fim de março.
Reservas em www.disneylatino.com/parques ou através de um agente de viagens, pedindo o pacote código RWZ

Em Hong Kong
Estamos em pena Winter Fest em Hong Kong. Até 4 de janeiro rolam shows de gospel, jazz, festivais de vinho, incentivos para compras. Para os esportivos, há competições de badminton, squash, criquete, bicicleta. Mais balés, ópperas e peças de teatro. Quem quiser, pode adiar a viagem e esperar pelo Ano Novo Chinês, em 26 de janeiro.
Vejam mais em www.DiscoverHongKong.com

Em Maceió
No Jatiúca os pacotes de réveillon são de 4 noites, por R$ 3.290, mais taxas ou de 7 noites (R$ 5.350, mais taxas), incluem café-da-manhã, jantar,ceia de ano novo e show da orquestra Conexão Latina na festa com tema Cores e Flores do Nordeste.

Jatiúca Hotéis & Resorts

Lagoa da Anta, 220 – Mangabeiras – Maceió - Alagoas
Tel: (82) 2122.2000
reservas@hoteljatiuca.com.br

No Sergipe
“Festa Caribenha” será o tema do Reveillon do resort Starfish Ilha de Santa Luzia, localizado no município de Barra dos Coqueiros, em Sergipe. O grupo de pagode Só Lamento e a banda Mambolada animam a festa, até as 3 da manhã, depois, um DJ assume até as 4. O sistema é all-inclusive, há queima de fogos de artifício.
As crianças têm programação especial no Réveillon.
Para o Réveillon o Starfish opera com a tarifa de R$ 584 por pessoa em apartamento Double Premium. Crianças até 12 anos, no mesmo quarto dos pais, não pagam diária.

Starfish Ilha de Santa Luzia
Sítio Tingui s/n - Praia da Costa – Barra dos Coqueiros - Sergipe - CEP 49140-000
Tel/Fax: (55 79) 2104-8500 - reservas: 0800 7043210
e-mail: reservas.starfish@superclubs.com.br