Saturday, February 23, 2008

Paris
Coleções outono/inverno 2008/2009

Começa agora a semana de desfiles parisienses. Nota-se uma evolução na busca de nomes novos, mas nem sempre a expectativa resulta positiva. Em todo mundo, é difícil a vida de um estilista iniciante, de conseguir um lugar ao sol, ter uma produção profissional e bons comentários. Tem que ter paciência, tanto quem desfila como quem assiste a estes novatos ou seminovatos, que já circulam nas passarelas do topo do mundo.























Fatima Lopes
18:00: Destes semi, um exemplo é a portuguesa Fatima Lopes, que sempre atrai os fotógrafos por exibir coleções ousadas, com roupas desnudantes. Pois ela parece ter aderido a uma onda de sobriedade que apira no ar do universo da moda. Apenas um modelo tinha o busto revelado por transparência, as cores pararam nos pretos, cinzas e brancos. Vestidos curtos, um toque de Futurismo nos ombros largos e pontudos. E um toque dispensável de geometria nos vestidos de saias armadas por arames. As pantalonas e saias-lápis têm cinturas altas, um ponto que se repete é a minipelerine de tricô, cobrindo os ombros.
Fatima já desfila há alguns anos em Paris, e agora conta com o apoio do Portugal Fashion, principal evento de Lisboa.
Complementos: Nas cabeças, arcos com folhas e penas, mas usados de cabeça para baixo.Sapatos bicolores, de plataforma
Musica: Lady M, um DJ munido de um notebook e só, um bom tecno
Beleza: equipe de Takuya Motohashi para Menard.
Onde: hotel Westin, na rue de Castiglione
18h15





Ivana Helsinki
20h05: uma estreante, vinda da Finlândia, com a sala cheia de convidados pessoais e pouca imprensa. A maioria dos colegas ainda está em Milão, deve chegar no domingo. Mas a Paola Ivana se jogou na passarela do hotel Westin para mostrar que segue o que parece ser a onda contemporânea da moda global. Isto é, mangas grandes, franjados e muito cinza. Mas nestes pontos, fica mal na comparação com os mais experientes. As mangas parecem exageradas demais, os franjados são feitos de tecidos em tiras. Nos cinzas e nos tricôs, as coisas melhoram. Em malha delicada, parecendo cashmere, destacam-se os vestidos de alcinhas, com busto franzido; para a noite, os vestidos sedosos têm bojos. O tema Birdring (poleiro de passarinho) motiva estampas com pássaros. Como todo desfile de estréia, foi um tanto longo.
Complementos: sandálias com polainas franjadas
Beleza: cabelos louros e lisos, como da própria Paola, na maioria das modelos. Pela mesma equipe da Menard, que fez Fatima Lopes
Onde: salão Concorde, do hotel Westin, na rue de Castiglione
20h25
fotos: Silvia de Souza

Intervalo / quem encontro no Westin? Paula Rita Saady, ex-aluna no Senac, que está trabalhando na L' Officiel como designer gráfica e filmando alguns desfiles para o site Gema, do José Camarano. Na bolsa, leva um maiô, que a qualquer momento pode ser vestido para Paua encarnar a repórter de maiô, que faz para o site / Paris está começando as vitrines de primavera com listrados e poás