Thursday, February 14, 2008

Francis Montesinos
Um desfile bem longo. A luz apagava, acendia de novo e entrava mais uma linha. Bons tricôs trançados, um lance de androginia combinado com jeitinho college, com escudos. Ou o estilo suéter de tenista, em cinza com risca vermelha no decote em V.Depois, malha em listrados de cinza e salmão, redingotes de couro preto. Apaga, acende, e entra uma linha op-art, com broches de círculos e quadrados, listrados em preto e branco. Apaga, acende, e é a vez de um estilo festa, de longos vermelhos com aplicações de louros dourados. No final, meia hora depois, veio a noiva de véu e guirlanda prateada.

Intervalo / no mesmo pavilhão da Pasarela Cibeles – é assim mesmo, passarela com um S só -, está montada a expo em homenagem à moda espanhola. São fotos em clima kitsch, assim como o ambiente, que parece um jardim de anões e bichinhos de cerâmica, flores artificiais e cestinhas de vime. Nas imagens, quem se sai melhor como estilista: Elio Bernhayer, com vestidos com estampas japonesas e Dolores Cotés, com maiôs de fechos; os longos de Jesús de Pozo, com gargantilha de 40 mil euros. Faltou folha de créditos, dizendo quem foi o fotógrafo, de quem são as produções. Bem trabalhosas, por sinal, porque cada foto tem filhotes de bichos, flores, móveis antigos, os estilistas de guarda-pós brancos, várias modelos

Devota & Lomba
Masculino e feminino nesta coleção construída em couros e astracãs. Calças skinny, casacos curtos ou longos, um leve ar de robô em detalhes como retângulos aplicados na frente ou nos ombros dos vestidos e casacos feitos em tecidos rígidos. Têcnicas de origami reforçam a idéia de conceitos de geometria e matemática, tão em evidência atualmente.Mangas em placas, como armadura, bustos de longos amarelos montados em dobraduras. Bonito, o conjunto. Mas a sandália em verniz azulão, apesar de individualmente também bonita, ficou meio desencontrada com a austeridade das roupas.