Thursday, January 10, 2008

Virzi al mare

Muuuito bonito o desfile. Desde os cabelos das meninas, com mechas quase brancas (como no tempo em que os surfistas clareavam os cabelos com parafina), até a barra manchada das calças, o tema do surfe pegou uma onda boa. Mas de moda, a Marcella Virzi sabe mais ainda. São importantes os bordados turquesas nos decotes, cintos e vestidos. E olhem que não gosto muito de turquesa! O quimoninho de seda preta, também impecável. O jogo de pregas de alto a baixo, com uma parte virada, mostra o avesso dourado. As mangas cortadas com dobras, ótimas. O paletó preto com forro de onça em preto e branco. Muito boa, a onda da Virzi, que agradeceu os aplausos com o bebê no colo, de calça camuflada , super-surfista.

Intervalo / rola um boato de protesto de modelos. Alguma discriminação contra morenas, negras, homens, cariocas, ninguém sabe ao certo. Guiga Soares resume a situação, com a experiência de décadas em produção. “Tudo é questão de mercado. Se são as louras, que todos os estilistas querem, vai dar loura na maioria. Não pode pegar sol, tem que ser magra e alta, tem que tratar do cabelo. Tem que escolher entre ser a gostosinha do pagode ou a modelo de passarela. É assim, para ser profissional”. Tá certa.